Pages

segunda-feira, julho 02, 2007

Patriotismo

Conhece as palavras abaixo?
Sabe o significado de cada uma delas?
Já ouvir falar delas?

plácidas
retumbante
fúlgidos
penhor
vívido
impávido
colosso
esplêndido
Fulguras
florão
garrida
lábaro
clava

Se as suas respostas foram negativas, não se preocupe. Mais alguns milhões de brasileiros negam às perguntas.

Essas palavras fazem parte da letra do hino nacional do Brasil

Há aqueles que julgam que é patriotismo saber cantar o hino nacional. Mas, o que é patriotismo de verdade?
Nossas matas estão devastadas, nós invadimos os "Nossos bosques que tinham mais vida"
Nós respeitamos nossos rios, nossas águas?

"Paz no futuro e glória no passado"?

Com a corrupção instalada no seio da cultura brasileira?
Glória em que passado? Na ditadura? Nos escândalos políticos?
Que futuro temos?

O nosso hino nacional há tempos (se que teve mesmo esse tempo) está desatualizado e duvido que consigamos um dia estarmos de acordo com a letra deste tão incompreendido hino nacional.

Patriota é aquele quem ama sua pátria, sua nação, seu povo, sua cultura. Fácil se dizer patriota quando se sabe "male-má" cantar o hino nacional.

Se quiser arriscar, segue a letra do hino nacional:

HINO NACIONAL
Letra: Joaquim Osório Duque Estrada
Música: Francisco Manuel da Silva


Parte I

Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heróico o brado retumbante,
E o sol da liberdade, em raios fúlgidos,
Brilhou no céu da pátria nesse instante.

Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte,
Em teu seio, ó liberdade,
Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce,
Se em teu formoso céu, risonho e límpido,
A imagem do Cruzeiro resplandece.

Gigante pela própria natureza,
És belo, és forte, impávido colosso,
E o teu futuro espelha essa grandeza.

Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil!



Parte II

Deitado eternamente em berço esplêndido,
Ao som do mar e à luz do céu profundo,
Fulguras, ó Brasil, florão da América,
Iluminado ao sol do Novo Mundo!

Do que a terra, mais garrida,
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores;
"Nossos bosques têm mais vida",
"Nossa vida" no teu seio "mais amores."

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado,
E diga o verde-louro dessa flâmula
- "Paz no futuro e glória no passado."

Mas, se ergues da justiça a clava forte,
Verás que um filho teu não foge à luta,
Nem teme, quem te adora, a própria morte.

Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil!

2 comentários:

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.

Arthurius Maximus disse...

Concordo com você, ao se abandonarem os costumes de cantar o hino nacional nas escolas e em alguns eventos cívicos, as pessoas relegaram nossos símbolos nacionais a um plano de não importância preocupante. Com a desculpa de que tudo era fruto da "ditadura", aulas de moral e cívica e coisas como cantar o hino sempre foram erradamente abandonadas. Uma pena. Talvez, por isso, tanta falta de civismo nas ruas e uma juventude tão alienada.

Blog Widget by LinkWithin